A vida vale a pena, eu sei 

A porta da sala se abriu e eu fui mergulhada no eterno desejo da sua presença. Escancarei meu coração às delicias do acaso. Ousei ver de perto. Eu não negligenciei o assombro da paixão. Deitei a toalha vermelha sobre a mesa. Olhares invasivos que rasgavam ao meio minha alma, tornando-me hospedeira das famosas borboletas no estômago. Olhares que congelavam minha espinha cada vez que um pensamento pulava a cerca da moral, do permitido, do certo a ser feito.

Albert Einstein dizia que a coisa mais bela que um homem pode experimentar é o mistério. Sábio, monstruosamente sábio. Não aprendi muito da sua física, mas seus escritos habitam em um lugar especial do meu ser. Pude viver a beleza do meu mistério. O amor é puro enigma. O inesperado de mim aconteceu. Eu que queria apenas ser passarinho livre, passei a desejar uma gaiola e um ninho com Antero.

Percebi que era inútil tentar impedi-lo, Antero possuía as chaves de todas as minhas fechaduras. Abriu cada uma delas, me desarmando inteira. A sua presença era epifânica. Encontrei em Antero a consumação do homem que eu teci em minhas expectativas. Era por ele que eu ansiava todos os dias. Antero se tornou a minha linha tênue entre ter fé e esperar as cegas.

O momento atual me traz a clareza de uma verdade desconcertante e ao mesmo tempo alentadora. Comecei a viver desde o dia que Antero cruzou essa porta. O conhecimento sobre a realidade me ilumina. O assombro da revelação me devolve direitos nunca antes experimentados. Antero, ao cruzar a porta, me fez descobrir que a vida valia a pena.

Gabriela Buraick

5 comentários Adicione o seu

  1. muy bueno gracias por compartir

    Curtido por 1 pessoa

    1. Gracias! Sea ​​bienvenido. Me encantó tu blog

      Curtido por 1 pessoa

      1. eres muy amable gracias por compartir

        Curtir

  2. mariel disse:

    Bah, nada como encontrar verdades. Elas libertam mesmo.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s